Linha de separação


2 de agosto de 2021

O avanço tecnológico da China

 O avanço tecnológico na China é impressionante. Os medias fazem por ignora-lo e exibem o bilionário Bezos a fazer uma viagem espacial como um grande triunfo tecnológico. Eis alguns recentes avanços cientifico-técnicos da China.

- Construção do primeiro mini-reator nuclear do mundo. “Linglong 1, um reator de água pressurizada com capacidade de 125 MW.

- A China avança na tecnologia de fusão nuclear ("sol artificial") com 120 milhões de graus Celsius durante mais de 100 segundos, um recorde mundial.

- A missão à Lua regressou com amostras lunares, um empreendimento complexo, automatizado, envolvendo um satélite lunar, um módulo de pouso que recolheu amostras, uma unidade que levou as amostras de volta ao satélite e um veículo de regresso que desceu de paraquedas na Mongólia. E tudo funcionou.

- Um veículo foi levado até Marte e percorreu o planeta explorando a sua superfície. A China tornou-se o segundo país a pousar e operar um veículo no Planeta Vermelho.

- A estação espacial Tiangong da China, em órbita após um lançamento bem-sucedido de uma base militar, recebeu os seus primeiros astronautas chineses que iniciaram uma missão de três meses. A Estação Espacial Internacional será desativada dentro de alguns anos, provavelmente deixando a China com a única estação espacial em funcionamento.

- A China iniciou a construção de seu quinto local de lançamento de foguetões, com o objetivo de longo prazo de aumentar a infraestrutura espacial para responder à esperada procura de missões comerciais.

- A China alcançou um novo marco tecnológico com o desenvolvimento de um computador quântico utilizável de 56 qubits (unidades de informação quântica).

- Foi concluída com sucesso a instalação da primeira plataforma do mundo de produção e armazenamento de petróleo semisubmersível em alto mar de 100 000 toneladas, a estação de energia "Deep Sea No 1", desenvolvida pela China, pertencente à China National Offshore Oil Corporation.

- A China construiu a maior tuneladora de escudo autónomo, diâmetro de 12,79 m e 3 000 ton de peso. Será usada na construção do túnel Jinxiu, para a ferrovia de alta velocidade de Chengdu a Zigong, província de Sichuan, no sudoeste da China.

- A tecnologia 5G mostra o elevado desenvolvimento tecnológico da China. A construção de redes 5G está em pleno andamento, resultando no crescimento explosivo de amplificadores de potência das estações base, adequados para cenários de alta frequência e alta potência. Em 2020, o número de amplificadores de potência usados pelas estações base 5G da China atingiu 73 728 milhões, um valor quatro vezes superior ao do ano anterior.

- A China compra no exterior 350 mil milhões de dólares em semicondutores anualmente. Se a Yangtze Memory Technology Company, em Wuhan, produzir a quantidade necessária as empresas estrangeiras, incluindo as americanas, vão perder o mercado chinês. A China poderá mesmo inundar o mercado mundial com memórias. Afirma Fred Reed: Não será inteligente por parte dos EUA forçar um grande país cheio de engenheiros que dominam tecnologias de ponta a competir. A indústria dos EUA sabe-o, Washington parece que não.

A China define-se como uma sociedade moderadamente próspera em todos os aspetos, tendo eliminado totalmente a pobreza no país, e avança em direção à meta de transformar a China numa grande nação socialista moderna. Afirma Sun Fuquan, vice-presidente da Academia Chinesa de Ciência e Tecnologia para o Desenvolvimento: "A vantagem institucional do socialismo com características chinesas, refletida na liderança centralizada e unificada do PCC, também é um fator chave que leva a nação a concentrar seus esforços em tarefas importantes para fazer avanços em áreas que estão intimamente relacionadas com a segurança nacional e a competitividade.”

- No final de 2020, a China tinha mais de 37 900 quilómetros de linhas férreas de alta velocidade em serviço, as mais longas do mundo, segundo a China State Railway Group, operadora ferroviária do país e o comboio mais rápido do mundo. O progresso impressionante da China na tecnologia ferroviária de alta velocidade ultrapassa a tecnologia antes detida pelo Japão, Alemanha e França. Os EUA não possuem uma única linha de alta velocidade.

- A China lidera os pedidos de patentes a nível mundial com 68 720 pedidos em 2020. A China detém 389 571 dos mais de 520 000 pedidos de patentes de Inteligência Artificial na última década.

- A China dispõe de um sistema de navegação por satélite próprio (no Ocidente GPS).

Já lá vai o tempo em que os EUA tentavam estrangular o avanço tecnológico da China. Agora há que estar atento ao declínio do império.


Os Donos disto Tudo

 

Alice Walton et Jim Walton lors d’un événement d’entreprise pour Walmart 

A beautiful People , que adora o neoliberalismo ...

Num ano as 50 famílias mais ricas dos EUA duplicaram as suas fortunas

E m inglês :https://scheerpost.com/2021/06/16/wealth-hoarding-by-silver-spoon-oligarchs-is-endangering-u-s-democracy-report/

La concentration croissante de la richesse dans un nombre réduit de mains — y compris parmi les descendants des barons d’entreprise sans vergogne qui continuent, après plusieurs générations, d’utiliser le « pouvoir financier, politique et philanthropique » octroyés par le biais d’énormes héritages pour « faire progresser leur programme de développement dynastique » — accroît la souffrance de la classe ouvrière aux États-Unis et constitue une menace pour la société et la démocratie.

C’est ce qui ressort du rapport Silver Spoon Oligarchs : How America’s 50 Largest Inherited-Wealth Dynasties Accelerate Inequality, publié mercredi par l’Institute for Policy Studies.

En analysant les données de Forbes, IPS a suivi les actifs des 50 familles les plus riches du pays — « parmi lesquelles les Waltons, les Kochs, la famille Mars, et bien d’autres, certaines bien connues et d’autres relativement peu connues » — de 1983 à 2020.

« En 2020, ces 50 familles avaient amassé 1 200 milliards de dollars d’actifs, ont constaté les chercheurs. En comparaison, la moitié la plus basse de tous les ménages américains — environ 65 millions de familles — partageait une richesse totale à peine deux fois plus élevée, soit 2 500 milliards de dollars. »

Les fortunes « stupéfiantes » des familles dynastiques, dont « la richesse devient de plus en plus pérenne », ont augmenté à un rythme « 10 fois supérieur à celui des familles ordinaires », a souligné IPS.

« Pour les 27 familles qui figuraient à la fois sur la liste Forbes 400 en 1983 et sur la liste Forbes des dynasties milliardaires en 2020, écrivent les auteurs du rapport, leurs actifs combinés ont augmenté de 1 007 % au cours de ces 37 années. Cela représente une augmentation qui va 80,2 milliards de dollars jusqu’à 903,2 milliards de dollars en dollars corrigés de l’inflation. En revanche, entre 1989 et 2019, le patrimoine de la famille type aux États-Unis n’a augmenté que de 93 % en dollars corrigés de l’inflation. »

1 de agosto de 2021

O Império e os seus lacaios já começaram a campanha

"A RTP que ignorou as eleições e a vitória da esquerda  passou a primeira manif contra a composição do governo que tem dias

 Também  o EL País dito social democrata escreve :" la creación del primer gabinete se fraguó por la mañana. Castillo nombró a Guido Bellido primer ministro del país. Se trata de un izquierdista radical que considera que Cuba no es una dictadura ..."

Peru. Guido Bellido Um homem da esquerda popular, novo Chefe de Gabinete Ministerial / A direita nacional e internacional já começou a latir infâmia.

O presidente Pedro Castillo prestou juramento ao novo chefe do Gabinete Ministerial, Guido Bellido Ugarte, no histórico Pampa de Ayacucho, na província de Huamanga. 

Bellido foi empossado em Ayacucho, durante a tomada simbólica de Castillo na região andina. Ele jurou "pelos mais de 30 milhões de irmãos peruanos, pela luta contra a corrupção, pelo trabalho por nosso povo".  Ele repetiu o juramento em quíchua. O gabinete que ele chefia deve receber um voto de confiança do Congresso, que tem maioria da oposição. Se o Parlamento negar confiança a dois gabinetes, o presidente tem o poder de fechá-lo e convocar novas eleições parlamentares, o que trava  o ímpeto de quem não recebeu bem essa designação.   

Bellido é o secretário-geral do Peru Libre em Cusco, e um militante de esquerda que o narcofujimorista de direita já saiu para denegri-lo, acusando-o de ser um "subordinado de Cuba" (como se isso fosse uma ofensa e não um mérito que muitos desejariam para si) e ao "terruquelo" (acusando-o de ser partidário do Sendero Luminoso). Com o passar dos dias, o ministro recém-nomeado receberá mais acusações daquela direita ressentida por ter perdido a possibilidade de continuar a roubar. Mas nem Castillo nem Bellido se intimidam e continuam a pensar que seus únicos timoneiros são os habitantes da cidade.

O império dita quais as boas vacinas

 Marcelo está no Brasil e confrontado com o facto de os brasileiros serem obrigados a fazer quarentena se entrarem em Portugal, mesmo se estiverem vacinados, mas com vacinas chinesas ou mesmo com a AstraZeneca que não  seja produzida na Europa , assobiou para o lado .

 A Madeira  contrariando a UE disse que aceita todos os turistas desde que estejam vacinados . O que diz Marcelo e Costa a isto ? Nada. Fingem que que o problema não existe. 

A mesma Agência Europeia do Medicamento (EMA )que no alto da sua soberba ainda não aprovou a vacina russa e nem examina as chinesas é a mesma agência que nada diz por os Estados  estarem a financiar a entrega dessas mesmas vacinas aos países do chamado terceiro mundo.  A OMS aprovou aquelas vacinas , mas  a EMA desconhece. Esta dita organização cientifica é cada vez mais uma organização política e comandada pelo império. Faltam vacinas ,  a imunidade de grupo está longe , continuam as mortes ...mas a EMA continua "cientificamente" a examinar..


A grande média  junta-se aos antivax(negacionistas) quando se trata de vacinas feitas na China e na Rússia (Mint Press News) "É impressionante como as técnicas [são] às que a Fox News usa para assustar as pessoas sobre a campanha de vacinação dos Estados Unidos e as que o New York Times, Reuters e outros estão usando para assustar as pessoas sobre as vacinas chinesas. " - Jim Naureckas, Fairness and Accuracy in Reporting 

Original em Inglês:

WASHINGTON - "Centenas de tailandeses trabalhadores médicos infectados apesar vacinas Sinovac," Reuters manchete no início deste mês. O relatório detalhou como 618 médicos tailandeses vacinados com a vacina chinesa COVID ainda estavam infectados, resultando em uma morte. Como costuma acontecer com uma agência de notícias tão influente, a história da Reuters foi divulgada em todo o mundo por centenas de publicações, incluindo o Washington Post , Yahoo! New s eo New York Post .         

No entanto, o artigo também afirma que mais de 677.000 trabalhadores médicos tailandeses receberam a dose, o que significa que mais de 99,9% dos vacinados não desenvolveram COVID-19 - um fato que vai para a frente, contra a insinuação do título. A grande maioria dos consumidores de notícias não lê além do título, o que significa que teve a falsa impressão de que o Sinovac é ineficaz.      

Uma vacinação completa não oferece proteção completa contra COVID-19. No final de junho, a CNBC informou que mais de 4.000 americanos vacinados com as vacinas americanas foram hospitalizados com o vírus, dos quais 750 morreram. Mesmo assim, a Reuters transformou a notícia em uma oportunidade para espalhar a desconfiança em relação ao Sinovac na Tailândia, que atualmente está experimentando um aumento rápido e sem precedentes nos casos de coronavírus.    

O artigo também aproveitou a oportunidade para retratar o governo dos EUA e a empresa norte-americana Pfizer como salvadores, observando que "a Tailândia espera uma doação de 1,5 milhão de vacinas Pfizer-BioNTech dos Estados Unidos no final do mês. Porém, em um país de 70 milhões de habitantes, essa contribuição está longe de ser uma solução. Os estreitos laços da Reuters com o governo dos Estados Unidos e a Pfizer tornam essa formulação particularmente questionável. Jim Smith , presidente da Thomson Reuters Foundation e ex-presidente e CEO da Thomson Reuters, também faz parte do conselho de diretores da Pfizer. Além disso, Dawn Scalici , ex-diretor global de vendas da   Reuters passou 33 anos na CIA, onde subiu na hierarquia a diretora sénior, supervisionando as operações da agência no Iraque. Ele deixou seu cargo de Oficial Nacional de Inteligência para o Hemisfério Ocidental para Diretor de Inteligência Nacional para, em suas próprias palavras , " promover a capacidade da Thomson Reuters em  atender às diversas necessidades  do governo dos Estados Unidos ". 

Macri e o fornecimento de armas a pedido do Império

 


31 de julho de 2021

Bolsonaro e o seu apoio à extrema direita europeia e mundial

 

Lutz Graf von Krosigk en el muelle en 1949 en Nuremberg. 
Condenado a 10 años de prisión, se le concedió una amnistía y fue puesto en libertad en 1951. 
Foto: Robert Kempner (Museo del Holocausto de EE. UU.)

Sem ser comunicado por nenhum canal oficial da agenda presidencial, o Bolsonaro recebeu von Storch em reunião que foi divulgada após a deputada da Alternativa por Alemanha (AfD), partido de extrema direita alemão, divulgar o encontro em suas redes sociais. .

A congressista disse estar "impressionada" com Bolsonaro e conversou com ele sobre a situação nos dois países. Publicando o encontro com o presidente brasileiro, von Storch criticou o movimento anti-racista Black Lives Matter e LGBTIQ e disse que o Brasil poderia ser um "parceiro estratégico" da Alemanha

¿Quién es Beatrix von Storch?

Neta de Lutz Graf von Krosigk, ministro das finanças no governo de Adolf Hitler, e Nikolaus von Oldenburg, membro do Partido Nazista e SA (força paramilitar de Hitler), von Storch é formada em direito e trabalhou no campo antes de ingressar na política partidária. Também fez parte da Friedrich A. von Hayek Society da Alemanha, grupo que defende as ideias do economista que foi um dos precursores do neoliberalismo.

“O Brasil é a ponta de lança da articulação da extrema direita internacional. Não é a Hungria, dado o peso que o país tem no mundo, por ser um país europeu da periferia, um país sem a importância geopolítica do Brasil ”, analisa o professor da UFABC.

Maringoni acredita que o encontro expôs o papel do presidente na geopolítica mundial. “O Bolsonaro passa a ser o principal articulador da extrema direita mundial. Não existe outro chefe de Estado, em nenhum outro país do mundo, em que a extrema direita tenha o peso que tem no Brasil ”, afirma o professor da UFABC.

Israel é um Estado das direitas , com cada vez mais tendências fascistas

Lembrar que Israel sempre votou a favor do Apartheid e contra o levantamento do bloqueio a Cuba


Thomas Vescovi é um investigador independente em história contemporânea. Ele acaba de publicar, na editora La Découverte, L'échec d'une utopie: une histoire des gauches en Israel (O fracasso de uma utopia: uma história da esquerda em Israel). Falamos com ele sobre a situação política em Israel. Esta conversa ocorreu antes da nova e violenta agressão colonial contra os palestinos.

 No título do meu livro, quando digo "o fracasso de uma utopia", é porque, sem fazer um juízo de valor, suponho que as pessoas acreditavam sinceramente que seriam capazes de formar um estado para os judeus com base, digamos,de esquerda. E no livro seguimos a trajetória desse projeto e tentamos entender como, ao longo da história, as coisas se desviaram e tomaram um rumo completamente diferente do que alguns pensaram e que  alguns haviam originalmente imaginado. E acontece que esse projeto sionista de esquerda, que tinha uma vocação emancipatória para os judeus vítimas do anti-semitismo, era, no entanto, um projeto fundamentalmente colonial. 

Jerusalém é um caso exemplar. É um local onde a colonização continua, e é cada vez mais, contestada. Hoje, ainda temos quase 40% de palestinos na aglomeração de Jerusalém, área em que a colonização é muito violenta, com despejos, desapropriações, etc. E porque essa presença palestina ainda está lá, vemos o desenvolvimento de grupos de extrema direita que agitam, atacam o povo palestino, etc. Eles enfrentam uma população que fica lá, que não quer ir embora e que também luta pelos seus direitos...

Existe algum futuro para uma esquerda não sionista em Israel sem os palestinos de Israel?

Eu ainda iria mais longe, dizendo que não há futuro para a esquerda em Israel em sua pluralidade se ela não se voltar mais para os palestinos de Israel. Se voltarmos um ano, durante as eleições legislativas de março de 2020, a Lista Unificada que reunia os palestinos de Israel era a expressão de uma nova estratégia: essa lista, liderada pelo comunista Ayman Odeh, tentava explicar à população palestina Israel que a estratégia do passado de participar da política se declarar anti-sionista e rejeitar qualquer negociação governamental com a esquerda, inclusive a sionista, havia sido superada, não havia trazido nada, e que por isso era importante considerar que a esquerda sendo uma minoria israelense judia progressista, era possível contemplar alianças com ela; embora com condições a serem definidas e com um programa claro. Acontece que essa estratégia, independentemente do que você pense, subestimou um fator essencial: dentro da própria centro-esquerda israelense, onde você se declara sionista, as contradições são muito fortes quando se trata de aliar-se aos palestinos.

https://vientosur.info/entrevista-a-thomas-vescovi-israel-es-un-estado-de-derechas-con-cada-vez-mas-tendencias-fascistas/