Linha de separação


29 de janeiro de 2023

A que ponto de loucura chegara a OTAN se sua estratégia falhar completamente?

 Na casa de Larry Johnson       Tradução directa

E DEPOIS? DE HELMHOLTZ-SMITH

28 de janeiro de 2023 por  HELMHOLTZ SMITH

Não sei o que os russos vão fazer na Ucrânia e ninguém mais fora de seu alto comando também. Certamente houve muitas previsões erradas. 

Deixando de lado a fábrica de propaganda ocidental, observadores sérios parecem ter errado o timing. 

Sabemos que o equilíbrio de poder favorece a Rússia, mas esperávamos que as coisas acontecessem mais rapidamente. 

Concordamos que Moscovo esperava algo mais curto, menos sangrento e mais rápido no início e provavelmente foi surpreendido pela resistência do regime de Kyiv e pelo apoio aleatório da OTAN. 

Consequentemente, houve uma reavaliação da situação e a convocação de novas forças. 

Até agora, estamos bem - é hora do próximo passo 

Eu pensei sobre por que isso é assim e cheguei às seguintes conclusões. A esta altura, qualquer um que preste atenção sabe que o campo de batalha ucraniano faz parte de uma guerra global em que aqueles que controlam o império americano estão tentando manter seu domínio. 

Para aqueles que estão fora da bolha de propaganda da OTAN, há um consenso geral de que

  1. A Rússia está vencendo tanto no campo de batalha ucraniano quanto no teatro mais amplo.
  2. O tempo está do lado da Rússia.

Primeiro o campo de batalha da Ucrânia. 

O primeiro objetivo da guerra é destruir o poder do inimigo e é isso que a Rússia está fazendo, especialmente no matadouro de Bakhmut. Kiev está determinado a se levantar e lutar aqui e os russos estão muito felizes em deixá-los – “  a artilharia conquista e a infantaria ocupa  ” – e é isso que vemos aqui. Lentamente, lentamente, as forças russas estão avançando sobre as montanhas do corpo ucraniano. 

Na semana passada, as forças russas também começaram a avançar em outras frentes. Essa moagem pode continuar até o colapso da Ucrânia, porque é mais fácil para os russos deixar o inimigo vir até eles do que ir atrás deles. Enquanto isso, mísseis russos estão destruindo a infraestrutura de que Kyiv precisa para continuar a guerra. O tempo e os desenvolvimentos favorecem a Rússia e não há incentivo para fazer movimentos de “flecha grande”.

Os Parasitas

 E se hoje em todas as missas "Os simples"de Guerra Junqueiro fosse recitado .

Há o filme os parasitas e há também os "Parasitas " de G. Junqueiro.

Das redes sociais

"Ao ver os dois palcos e cada um a lavar as mãos  como Pilatos. Ao ouvir o Moedas sobre o retorno de milhões pelos que vêm  ver o Papa ,revisitei " A Velhice do Padre Eterno.":
"...eu, ao ver este quadro, apostolos romanos,

Eu lembrei-me de vós, funambulos da Cruz.
Que andaes pelo universo ha mil e tantos annos
Exhibindo, explorando o corpo de Jesus."

28 de janeiro de 2023

Bem encaminhados para o cemitério nuclear

 1" É difícil admitir, mas os Anglo-Saxões não o escondem. Parafraseando uma citação célebre do primeiro Secretário Geral da Aliança, A OTAN foi concebida para « conservar a Rússia fora, os Americanos dentro e a União Europeia sob tutela ».

Não há nenhuma outra interpretação possível sobre a continuação das inúteis « sanções » contra Moscovo e dos vãos combates mortíferos na Ucrânia. "


2

Toda a Europa é um campo de batalha

por Manlio Dinucci  Os Estados Unidos veem a Europa Ocidental como o campo de batalha para enfrentar a Rússia. 

Perdas humanas catastróficas

 Depois de Soledar, Ugledar

O Estado-Maior das Forças Armadas da Ucrânia requer centros de recrutamento territoriais (cartórios de registro e alistamento militar) para agilizar o processo de mobilização. 

Aliás, isso está relacionado com o recente aparecimento de inúmeros vídeos militares mostrando a captura de todos os cidadãos nas ruas das cidades ucranianas.

Nas batalhas perto de Soledar, Artemovsk, Avdeevka e Marinka, as tropas ucranianas sofreram perdas catastróficas e precisavam reabastecer com urgência as fileiras das Forças Armadas ucranianas. 
No entanto, os infelizes cidadãos que podem ser capturados claramente não são suficientes para compensar as perdas sofridas.

A opinião de BHADRAKMUR

 Trecho da defesa de Philippe Grasset.

“  Então, voltamos à pergunta original: por que entregar esses tanques à Ucrânia? […](...), duvido que esse seja mesmo “o plano”; porque na verdade eu acho... eu acho que não tem plano! Para colocar de forma clara e direta, acho que os líderes políticos  [do bloco OTAN] têm enormes problemas pela frente… E o que está acontecendo é que políticos como Scholz, Biden, Macron querem proteger suas costas a todo custo e garantir que não possam ser culpados pelo desastre (na Ucrânia) porque não enviaram seus tanques, – para que todos se envolvam... O que eu gostaria de dizer finalmente é que esse posicionamento de tanques na batalha, sem preparação, sem um plano de integração, sem treinamento operacional real, eu diria direto, acho criminoso. .. Acho que é a pior decisão que já vi, uma decisão baseada na covardia política...e num clima de histeria e cegueira furiosa, e ainda por cima não vai dar certo... Já podemos ver isso por isso  ,os falcões estão manobrando para introduzir equipamentos cada vez mais poderosos… »

É a escada rolante a todo vapor. Mercouris observa que em Ramstein (reunião de ministros da defesa da OTAN) houve uma proposta de entrega de aeronaves de combate tipo isto/aquilo (F-16, claro) para a Ucrânia. A proposta foi recusada, diz Mercouris, mas eventualmente será adoptada, podemos ter a certeza..  Quem teria o mau senso de recusar? Assim será criado um espaço completo de proibição para permitir novas e catastróficas lutas. Os confrontos certamente acontecerão, com vítimas pedindo mais reforços e assim por diante, – “escada rolante a todo vapor”:

Como eu disse antes e como o próprio Jeff Roberts disse, estamos agora em uma escada rolante e os líderes ocidentais não sabem ou não podem sair, com essa decisão maluca de enviar tanques, de um movimento que acelera ainda mais a escada rolante-escada criando assim ainda mais problemas para o futuro… Decisões covardes levam a situações catastróficas e esta é uma das piores decisões covardes que um governo jamais tomou, na minha experiência …”

Tudo está dito, certamente cada um tem seu próprio vocabulário, mas a ideia central é a mesma, as engrenagens, a escada rolante, estão em movimento.

BHADRAKUMAR

No meio do burburinho sobre a decisão dos Estados Unidos e seus aliados europeus  fornecerem os principais tanques de batalha Abram e Leopard  à Ucrânia, o vice-ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Ryabkov, disse em Washington na quinta-feira que o controle de armas “não pode existir isolado da política militar” e da geoestratégia. O que é uma realidade”. Portanto, uma compreensão dos “parâmetros e princípios de coexistência que minimizariam o potencial de conflito” entre a Rússia e o Ocidente é um pré-requisito absoluto para a situação. 

O Palco e...

 Das redes sociais  três textos

 1 " O pantomineiro de Belém só se interrogou sobre a ostentação e os custos depois da discussão  estar na praça  pública ,quando foi ao terreno e viu o projecto achou bem .

Agora à  Pilatos diz façam a obra de acordo com o pensamento do Papa Francisco . E ninguém lhe pergunta o que quer dizer isso na pratica, o que entende que se faça  agora?
O bispo de Lisboa disse também que ficou magoado ao saber dos custos!
Mas nunca se interrogou antes .Por que será? Por a ostentação ser a prática habitual da Igreja dos pobres?
E nem um ,nem outro se interrogou sobre o porquê  do ajusto directo à  Mota Engil e não a outra empresa. Será  por ser a construtora do regime do Bloco Central das negociatas?
O que foi pregado na cruz comentaria certamente : fariseus , hipócritas,  vendilhões  do templo...
E como os votinhos são muito bonitos ,desta vez o Ventura não pede nenhuma comissão  de inquérito na AR. Tudo dito .Amen."  Vasco Silva

2  A RTP e o seu telejornal são  cada vez  mais uma sucursal da NATO.
Uma vergonha de canal Público
Hoje a Marcia Rodrigues ouviu o patrão militar da NATO..e ,  com toda a leviandade , sorridente , perguntou ao general fardado se a NATO estava preparada para um confronto com a Rússia. Como se esse confronto fosse uma guerra convencional , como se cá  ficássemos para contar aos netos ,como se não fosse o holocausto nuclear.
Mas é  isto uma jornalista?
Apenas inconsciência e frivolidade? 
Não há ninguém  na casa que lhe chame a atenção para o dislate da pergunta? C.V

3 TANQUES DO OCIDENTE FARÃO DIFERENÇA NA GUERRA?
Os 14 tanques alemães, os 31 americanos, e os outros 56 doados por 12 diferentes países podem fazer a Ucrânia virar o jogo e ganhar a guerra com a Rússia?

27 de janeiro de 2023

Rússia, Itália e os (inúteis) ensinamentos da história

 Por ANGELO D’ORSI*https://www.lantidiplomatico.it/dettnews-prof_dorsi___russia_italia_e_gli_inutili_insegnamenti_della_storia/39602_48571/

A história ensina, mas, novamente como escreveu Antonio Gramsci, “não tem alunos”

No quadro  do choque entre revolução e contrarrevolução na Rússia após a vitória de Lénin, as potências imperialistas ocidentais, e o Japão, intervieram militarmente para dar uma mão aos “brancos”, isto é, aos contrarrevolucionários, liderados pelo almirante Aleksander Kolchak, que criou o seu governo antibolchevique, na Sibéria, prontamente reconhecido pelas potências ocidentais, inclusive a Itália.

Comentava o jornalista socialista Antonio Gramsci (em 21 de junho de 1919, em L’ordine nuovo): “esse reconhecimento equivale a uma declaração de guerra ao povo russo. O fato de a guerra não ser conduzida diretamente por soldados italianos, mas sim pelos japoneses, é uma questão que não exime o Estado italiano das terríveis responsabilidades que assumiu. Política e moralmente, o Estado italiano apoia a reação antiproletária na Rússia; o sangue que será derramado na infame guerra recairá também sobre o povo italiano, se não dissociar toda a sua responsabilidade do ato do primeiro-ministro”.